Meio dia

…Pode acontecer, e de facto muitas vezes acontece, que você vai a Lisboa por ocasião duma reunião, uma visita a um cliente (o chamado ou conhecido como “viagem de negócios”), ou para comparecer um evento desportivo ou musical. Também pode acontecer a um que é literalmente deitado no aeroporto de Lisboa à espera de uma transferência ou uma escala de intervalo. Enfim, estamos por vezes em circunstâncias como estas, com umas poucas horas que ocupar, e muitas vezes ficamos com o desejo de aproveitar para conhecer um canto novo da cidade, se já conhecemos a cidade própriamente, ou para pegar o ritmo e nos fazer uma idéia, se ainda não. É o que se diz dar uma olhada.

E fez bem, se você decidir usar esse tempo para saborear a cidade. Em Lisboa, isso também é muito viável, porque o aeroporto está a poucos passos de distância da cidade, bem servido por autocaro (não é servido por Metro), e tendo em conta que os táxis são relativamente baratos, certamente mais do que em cidades espanholas. Então desde cá nós fazemos algumas sugestões que podem servir de inspiração. Mas voltando ao mesmo: deixar ir.

Se o que acontece é que travou o primeiro voo da manhã e entre as mudanças do tempo e que a sua reunião ou encontro de negócios tem sido adiada à uma da tarde e tem a manhã “livre”, então tem algumas horas maravilhosas para preparar este encontro placidamente sentado num café na Lisboa antiga. Pequeno almoço completo: torrada com manteiga, café, pastel de nata e sumo de laranja natural, se faz o favor … Não hesite: pegue um táxi ou autocarro (número 91, a Airbus, é a linha mais rápida e mais conveniente, porque entre a Praça do Comércio, ao pé do rio, e o aeroporto só fez dez paragens, e coloca no Rossio em 30 minutos; as linhas urbanas 5, 22, 44, 45 e 83 também se comunicar com o centro da cidade –ver quadro adjunto) e vá lá!

Autocarros Aeropoerto-cidade

Carris

N.º 5 – Estação do Oriente / aeropuerto / Areeiro – Sólo en días laborales
N.º 22 – Portela / aeropuerto / Marquês de Pombal – Todos los días
N.º 44 – Moscavide / aeropuerto / Cais do Sodré – Todos los días
N.º 45 – Prior Velho / aeropuerto / Cais do Sodré – Todos los días
N.º 83 – Portela / aeropuerto / Amoreiras – Sólo en días laborales
O bilhete pode ser comprado a bordo. Tarifa: 1,20 €

Aerobús

Todos os dias, a cada 20 minutos, um autocarro (Aerobus CARRIS n º 91) faz a ligação entre o aeroporto de Lisboa eo centro da cidade, a partir de 07h45 para 20h15.

O bilhete pode ser comprado a bordo do Airbus. Taxa de bilhetes 1,20 € 1 dia: 3,10 €

Baixe, entao, até Restauradores, caminhe aleatoriamente pelo Rossio e mergulhe na Baixa, para senter o que Fernando Pessoa sentia ao abrir a manhã:

No nevoeiro leve da manha de meia-primavera, a Baixa desperta entorpecida e o sol nace como que lento. Há uma alegria sossegada no ar com metade de frio, a a vida, ao sopro leve da risa que nao há, tirita vagamente do frio que já passou, pela lembrança do frio mais que pelo frio,pela comparaçao com o verao próximo, mais que pelo tempo que está fazendo.

Nao abriram ainda as lojas, salvo as leiterias o os cafés, mas o repouso nao é de torpor, como o de domingo; é de repouso apenas. Um vestigio louro antecede-se no ar que se revela, e o azul cora palidamente a través da bruma que se esfina. O começo do movimento rareia pelas ruas, destaca-se a separaçao dos peoes, e nas poucas janelas abertas, altas madrugam também aparecimentos. Os eléctricos traçam a meio-ar o seu vinco móvil amarelo e numerado. E, de minuto a minuto, sensiblemente, as ruas desdesertam-se.

Extracto do “Livro do desassossego”, de Fernando Pessoa.

Disfrute o pequeno almoço placidamente no centro olhando a vida em torno de estiramento. Depois dei um saltinho até ao Chiado, dê uma olhada em suas livrarias, sentar na praça Luis de Camões, chegue ao miradouro de San Pedro de Alcantara… Ou em vez de para o Chiado, puxe o CASTELO, e que seja desde São Jorge desde onde veia a cidade … E ainda tem um par de horas para a reunião ou conexões de vôo. Já entao vaisaber que valeu a pena.

Claro que poderia muito bem ter apanhado um táxi para o Mercado da Riveira, onde segundo o nosso jornalista sem bandeira Iván González …

…Ainda é cedo mas o sol de nitrato da verniz aos frutos do Mercado da Ribeira, onde perambulam moçambicanos, angolanos, chineses de Macau, os nativos de olhos esbugalhados de Goa. Pombos zurean entre caixas de peixes. Há cheiro a café expresso.

…Para o desfrutar na sua hora de engarrafamento de peixex e legumes. Mas não se preocupe: fica para outro dia.

…E se o que acontece é que a reunião terminou mais cedo do que o esperado, por exemplo depois do almoço, e o seu voo de regresso sai às nove horas da noite, e, portanto, o que voçe tem é a tarde livre, não hesite em pegar num táxi desde o parque empresarial onde estiver e se desplazar até a zona de Belém.

…Ou para qualquer outro local ainda a ser explorado: Estrela, Madragoa, Alfama, … e passar o resto da tarde para uma visita exclusiva para esse canto, que num par de horas pasará ser seu também.

Mas também a metade dum dia seria produtivo se opta por um Museu ainda inédito para você, normalmente na cidade (para aqueles que não conhecem Lisboa, a cidade em si se expoe como um magnífico museu ao ar livre; deixe estar os museus interiores para futuras viagens) E a este respeito, o nosso pessoal Top Five é composto dos seguintes cinco museus:

Museu de Arte Antiga (Rua das Janelas Verdes, 9, Lapa: Website: www.mnarteantiga-ipmuseus.pt)
Localizado no antigo Palácio Alvor-Pombal ou Palácio das Janelas Verdes. Hoje é considerado o mais importante museu em Lisboa. Tem também muitas exposições temporárias de autores portuguêses e estrangeiros, exposições permanentes de pintura, mobiliário, tapeçaria, escultura, jóias e cerâmica Portuguêsa, pinturas e artes decorativas europeias e objetos de arte do ex-colônias na África e no Médio Lusa. Também preserva no interior a capela de San Alberto, que pertencia ao convento do mesmo nome.

Calouste Gulbenkiam (Avenida Berna 45-Praça de Espanha. Website: www.gulbenkian.pt)
A fundação, instituída pelo mecenas arménio Calouste Gulbenkiam, é um oásis em meio da frenética atividade da cidade. Mais de seis hectares do antigo parque de Santa Gertrudes, com jardins, lagos e esculturas de autores internacionais, contêm os dois mais importantes edifícios do complexo. Num deles é a sede da fundação, a biblioteca e o museu, inaugurado em 1969. O outro edifício é o Centro de Arte Moderna, aberto em 1983. Quanto ao museu, a distribuição cronológica e geográfica das obras determinar dois circuitos independentes. A primeira turnê da coleta de amostras antigas do Egito, Assíria, Grécia, Roma, do Oriente islâmico e do Extremo Oriente. O segundo circuito é dedicado à Europa, com pinturas, esculturas, marfins, mobiliário, etc todos da coleção particular do fundador, que queria que seu trabalho servisse para estimular a sensibilidade humana através da arte e em perfeita harmonia com a natureza. A fundação é dedicado ao bem-estar social, artes, educação e ciência, e é a maior instituição privada de interesse social fora dos Estados Unidos.

Museum do Azulejo (Rua Madre de Deus, 4, Xabregas. Site: www. mnazulejo.imc-ip.pt)
Criado em 1980 como Museu Nacional do Azulejo, na área do convento – igreja da Madre de Deus, responde à necessidade de dar ao azulejo o lugar que pertence à história da arte, num país como Portugal, que as peças são usadas desde o século XV, primeiro como decoração, depois como um elemento de integração arquitectónica. Indispensável para os fãs deste material.

Museu do Chiado (Rua Serpa Pinto, 6-Chiado. Website: www.museudochiado- ipmuseus.pt)
Fundado em 1914, seus primeiros fundos, como os de Arte Antiga, veio do Museu de Belas Artes. Fechado em 1987 para recuperar suas coleções, o museu viveu o drama do incêndio do Chiado, mas não porque ele ficou afetado, mas porque no fogo esteve a salvação do museu: chamou a atenção para sua condição e incentivou sua redenção plena e final. A arquitetura de recuperação do museu é uma exposição de modernização e de respeito para o antigo Convento de San Francisco, onde se senta. Dedicado inteiramente à pintura, desde a coleção atual inclui o único retrato da geração nativa de Lisboa, O Grupo do Leão, de Columbano Bordalo Pinheiro; As Escadinhas, de Francis Smith, No Tejo, marinha de Joao Vaz; Lisboa e o Tejo e Domingo, de Carlos Botelho; e obras de Rodin, Malhoa, ou Jorge Vieira, entre outros grandes artistas.

Museu Nacional de Arqueologia (Praça do Imperio – Belem. Website: www.mnarqueologia-ipmuseus.pt)
Fundado em 1893, posteriormente transferido para a ala esquerda do Mosteiro dos Jerónimos, sendo reinaugurado em 22 de Abril de 1906. O museu ficou especializado, posteriormente, em três seções: arqueológico, colecções antropológicas e etnográficas, e as colecções mais numerosas vão desde o Paleolítico à presença romana em Portugal.

Mas numa meia jornada você ainda tem opções de ir de shopping (Grandes Armazéns do Chiado, Colombo, Vasco da Gama,…) e o Oceanário, com certeza a poucos passos de distância do local onde terá ou terá tido lugar o encontro ou do aeroporto.

Em quatro ou cinco reuniões que tiver durante o ano a cidade será conhecida. Então será uma questão de retornar a seu lugar favorito. E, claro, há sempre a opção de visitar alguns dos locais seleccionados no nosso Top Five, ou descobrir um novo e depois dizer-nos.